Aplicativos

Aplicativos Católicos: Como são gerenciados pela Igreja

Aplicativos Católicos: Como são gerenciados pela Igreja

Se você acompanha este blog já sabe que as tecnologias já fazem parte do presente e do futuro do trabalho de comunicação na Igreja, certo? 

São várias as ferramentas à disposição da comunicação, como sites, blogs e e-mail. Uma, porém, têm se destacado bastante: os aplicativos católicos. Essa ferramenta permite que a Igreja possa combinar recursos que se mostram estratégicos em diferentes áreas, como aprofundamos no texto Aplicativos Católicos: tudo o que você precisa saber. Se você não leu o texto, mas quer entender a ideia, resumimos abaixo! 

Principais benefícios dos Aplicativos Católicos

Educação evangelizadora: 

Os apps católicos facilitam a criação de verdadeiros ambientes de ensino que usam vídeos, podcasts e a aplicação de quizes (perguntas), por exemplo, para ensinar conteúdos pastorais, medir e fixar o aprendizado das pessoas.

Essa combinação de funcionalidades podem ser aplicadas nas formações pastorais e de lideranças, servindo como recurso educacional para crianças e jovens da catequese (que já são digitais desde cedo), e até mesmo auxiliar na formação continuada dos fiéis em complemento às homilias. 

Arrecadação do dízimo:

Contando com módulos integrados de arrecadação financeira, o aplicativo pode ser mais um canal em que os fiéis podem fazer a devolução do dízimo, complementando a devolução presencial preferida por alguns. Ele traz a possibilidade de que as doações sejam feitas via cartão de crédito ou débito, de forma segura e prática.

Esse recurso pode ser usado para devolução do dízimo convencional, ou mesmo em campanhas de comunicação que busquem estimular doações. Dessa maneira, as pastorais de Comunicação ou do Dízimo podem usar botões que redirecionam o fiel a uma página online em que ele pode fazer a doação com total segurança. Os valores, então, são depositados na conta da Igreja em poucas horas, facilitando o controle financeiro pela instituição.

Comunicação e relacionamento com a comunidade

Comunicação e relacionamento com a comunidade:

Com certeza, um dos maiores benefícios dos aplicativos católicos. Recursos como notificações permitem que a própria Pascom crie notificações que são enviadas a todos que tem o aplicativo instalado em seus celulares. 

Esse recurso é poderoso, pois oferece vários filtros para envios de notificações. Fica fácil enviar lembretes para todas as pessoas que tem o app instalado falando sobre eventos, horários de missas ou avisos para que os fiéis vejam um conteúdo novo publicado. 

Também é possível enviar notificações para listas específicas de pessoas com perfil no app, permitindo à Pascom enviar comunicações curtas a líderes pastorais, ou somente a pais de jovens catequizandos, por exemplo… 

Outro filtro possível é a localização geográfica dos perfis, permitindo envio de avisos a perfis de uma cidade específica ou bairros da própria cidade onde fica a instituição. 

Essa riqueza de segmentações permite um nível de personalização na comunicação católica difícil de ser alcançado por quaisquer outras mídias, tornando-o muito importante para gerar relevância no cotidiano real da comunidade.

São mais de 50 funcionalidades disponíveis, e para conhecer outras você pode clicar aqui para conversar pelo WhatsApp com um consultor Parresia, sem compromissos!

Como a Igreja atualiza os conteúdos dos Aplicativos Católicos?

Como a Igreja atualiza os conteúdos dos Aplicativos Católicos?

Depois que reconhecemos a relevância que os aplicativos católicos podem assumir para os fiéis, é comum que pensemos que trata-se de uma ferramenta difícil ou complexa de operar. Entretanto, não é o acontece na prática.

A tecnologia aplicada para a construção dos aplicativos pode sim ser difícil de ser usada, e o investimento para criar um app “do zero” pode ser grande, como mostram sites que calculam o preço de aplicativos com base nos recursos que ele vai receber.

Porém, existem tecnologias com interfaces de gerenciamento que facilitam muito o uso de um aplicativo e sua operação cotidiana depois que o app é publicado em lojas como Google Play e Apple Store. São essas interfaces que permitem que as pastorais, sozinhas, ou o próprio líder religioso, configurem notificações, criem campanhas de arrecadação, realizem o gerenciamento de senhas de acesso à áreas restritas do app e publiquem conteúdos.

Essas interfaces simplificadoras democratizam o acesso a tecnologias de ponta, e na Parresia acreditamos neste movimento como essencial no crescimento digital da Igreja Católica no país. 

Com este tipo de tecnologia, a Igreja não precisa entrar em um sistema complexo para publicar conteúdos em seu aplicativo, responder a mensagens ou enviar notificações. Essas ações são feitas acessando telas amigáveis que facilitam a utilização ao também permitir que o aplicativo seja integrado completamente ao site da instituição, caso ela conte com um.

Quando integrado ao site, a Igreja consegue atualizar conteúdos no aplicativo católico a partir do que é publicado no site. Isso garante agilidade principalmente quando a equipe tem pouco tempo para atuar, ou atuam em meio período apenas.

Como é o ambiente de gestão do Aplicativo Católico?

As funcionalidades presentes em cada aplicativo e, consequentemente, os recursos que aparecem no painel de controle dependem das características do projeto criado para cada Igreja. 

Porém, em um aplicativo simples, onde acontece o cadastro de notificações, o ambiente encontrado é semelhante ao que aparece na imagem abaixo. 

Cadastro de notificações

Como você vê, os campos são simples e os controles são fáceis de serem compreendidos. Na área Título, o nome da notificação é editado, e na área de mensagem cadastramos o texto da notificação. Nos casos em que a Pascom tem dúvidas que possam surgir, mesmo depois do treinamento de implantação, há um time de suporte disponível para corrigir problemas, resolver questionamentos e prestar apoio sempre que necessário.

Já nos casos em que a Pascom tem um chat próprio dentro do aplicativo, ela pode criar vários tipos de chat, como Fale Conosco, Pedidos de Oração e até mesmo para tirar dúvidas sobre produtos que são comercializados. Dentro do aplicativo, é no campo Moderação que as mensagens são respondidas, com total controle pela instituição e privacidade para os fiéis.

Nos casos em que a instituição também tem um ambiente para gerenciar campanhas de arrecadação, é feita a integração do aplicativo com outra plataforma. Esse é o caso do aplicativo feito para a Matriz Santana, que usa o app para arrecadar recursos para uma reforma de sua infraestrutura física. 

Baixe o aplicativo da Matriz Santana clicando aqui >>

Em ferramentas como sites, blog e aplicativos, as instituições encontram recursos poderosos com grande capacidade de expandir a maturidade digital não somente da Pascom, mas da própria Igreja como um todo.

Este caminho (que pode ser obscuro quando pouco compreendido), promete ser uma jornada sem retorno que, com parceiros experientes, promete ser não menos desafiador, mas com certeza mais seguro.

Convite grupo WhatsApp

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar seu comentário